Panóptico

WWF expõe desempregados à humilhação

with 45 comments

wwf

Quando o conceito de seleção natural foi aplicado à sociedade a coisa ficou muito feia. Mais tarde, quando grandes corporações resolveram adotar a idéia dos mais aptos para justificar demissões em massa, erros políticos e econômicos de todo um período caíram no colo dos trabalhadores.

Lembra daquela época em que a pauta era globalização? O começo desse papo? Era globalização de dia, globalização à noite e veio aquela avalanche de manuais e palestras de gurus da administração em países “emergentes” como o Brasil. Eles espalharam as idéias que faltavam para inocentar as empresas globais das famílias que destruíam semanalmente.

“Atualização profissional” era o mantra do trabalhador nesta época. “É preciso se atualizar”, ou melhor, “estar sempre atualizado”. Até hoje o SPTV e todos os programas voltados para a “vida prática” e “prestação de serviço” tem espaço reservado para dicas de como se comportar em entrevistas, dicas de cursos, dicas de tendências profissionais, áreas onde sobram vagas e outras maravilhas que indicam só uma coisa: está tudo aí, basta querer.

O trabalhador desempregado com mais de 40 anos de idade foi considerado “ininpregável” pelo chefe do executivo do Brasil. Tudo colaborava para sua humilhação social. Encostado, acomodado, desatualizado, vacilão. Os crimes das sucessivas políticas econômicas irresponsáveis eram personalizados na figura do trabalhador. Trabalhador por trabalhador, todos foram culpabilizados.

A classe média emburrecida adorou os manuais de administração: estratégias de sobrevivência duras, só os mais fortes sobreviveriam, como ficar rico… Enquanto torneiros mecânicos eram derrubados tudo ia bem. Mas, logo, alguns supervisores começaram a cair, uns gerentes deram de cara no chão e, hoje, – dizem, não sei, ouvi falar – tem diretor procurando “recolocação no mercado”.

Ser responsabilizado pelo próprio fracasso e desalento de sua família, como sabem, é de uma carga psicológica pesada demais. Mais uma vez, a surrada tática corporativa mostrou-se eficiente: um problema social/coletivo foi transformado em problema pessoal/privado.

A campanha Seleção Natural

wwf1

A WWF com a intenção de promover sua mensagem ecológica fez uso do que há de mais atual no mundo da publicidade: fazer alguma coisa engraçada na internet que possa se espalhar e gerar comentários. Ao mesmo tempo escolheu uma forma de humor das mais caducas e sem graça que existem, a pegadinha.

Anunciou no jornal vagas de emprego para animais, gravou as ligações dos candidatos e as divulgou no site da campanha.

Não há justificativa para pregar peça em alguém desesperado por trabalho. Aguardar a ligação de um desempregado que vê um anúncio que diz “vaga para onça-pintada”, gravá-la e fazer pirraça com isso não é só falta de sensibilidade, é perversidade.

Ouvir perguntas como “Você prefere ser onça-pintada ou boto-rosa? Por quê?” e escutar as pessoas tentando dar uma resposta que convença o entrevistador (sim, as pessoas aprendem as malditas dicas de entrevistas), mais que embaraçador, é revoltante.

O que é trágico não é o fato das pessoas acharem que podem “trabalhar” como onça-pintada, é o fato de uma organização de defesa dos animais expor pessoas numa situação frágil a mais um constrangimento.

Seleção Natural

(dica: Fastblog do Marco Gomes)

Relacionados:
Guia ilustrado da revolução no trabalho
O trabalho

Written by panopticosp

maio 28, 2009 às 15:27

Publicado em publicidade

Tagged with , ,

45 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Seria bom a WWF pedir desculpas. Não resolve, mas é melhor que nada.

    O que resolve é mostrar pra todos os “publicitários” que esse tipo de ação não tem graça.

    Obrigado pela citação.

    Marco Gomes

    maio 28, 2009 at 16:52

  2. Nojento!

    Márcio

    maio 28, 2009 at 16:54

  3. A única forma de conscientizar as pessoas sobre a situação caótica em que o meio ambiente se encontra , é mexendo com o âmago delas….
    Realmente, só quando se sentirem mal, é que os seres humanos vão fazer algum bem para o planeta.
    Essa ação só prova o quanto os humanos são desumanos e até onde podem chegar por dinheiro.

    Thomás

    maio 29, 2009 at 11:34

    • Thomás,

      A ação talvez seja a prova de como os seres humanos podem desprezar outros seres humanos

      panoptico

      maio 29, 2009 at 12:14

  4. WWF mostrando que consegue tão escrota quanto os maus que combate

    Rubens XD

    maio 29, 2009 at 11:35

  5. Acho que é uma forma de prestar atenção nesse problema. Afinal um dia esses animais serão extintos e não haverá solução.É uma forma de conscientizar. Pelo que escutei tem muita ligação engraçada, mas tem muita gente disposta a ajudar, gente interessada querendo conscientizar. Afinal o que é mais escroto humanos comprarem animais por R$ 6.500 reais ou oferecerem vagas a esse valor? Porque somos diferentes de onças, aras ou botos?

    Gustavo

    maio 29, 2009 at 11:47

    • Aos leitores,

      Gustavo é Thomás.

      Gustavo/Thomás,

      Se deseja inflar os comentários contrários a nossa opinião, peça a seus colegas para ajudarem ou coisa do tipo. teremos prazer em debater.

      Postar comentários se passando por pessoas diferentes é coisa feia. Na web ninguém respeita esse tipo de pessoa. Honestidade e sensibilidade, pelo contrário, são valorizadas

      Abraços

      panoptico

      maio 29, 2009 at 12:19

      • Eu não sou o Gustavo.
        Ele deve ser apenas outra pessoa que também conseguiu entender a ação, diferente de você, que parece ser meio limitado… ou até frustrado eu diria.

        Thomás

        maio 29, 2009 at 18:13

      • Thomás,

        O WordPress registra o IP do comentaristas. Gustavo e Thomás tem o mesmo IP.

        Agora, só não diga que o Gustavo é seu irmão ou alguém do seu trabalho que divide o PC com vc.

        Depois de dizer “Ele deve ser apenas outra pessoa que também conseguiu entender a ação”, não piore a sua vergonha e deixe pra lá.

        panoptico

        junho 1, 2009 at 10:45

      • hahahah boa, devem ser os “CRIATIVOS” responsaveis pela merda de campanha desesperados com os comentarios negativos.

        hehehe

        joselito

        junho 1, 2009 at 17:37

  6. Eu concordo! Eu refleti e vi aluz! Vmaos parar de trampar para ajudar os animais! Dôo meu emprego para a wwf salvar os animais! – flameon!

    Demais!

    maio 29, 2009 at 12:03

  7. Trabalhei no WWF-Brasil e sei o quanto são incorerentes em duas ações. A missão, valores e estratégias são uma, mas o coerência e internalização estão bem longes de um prática sustentável. Procurar onça pintada e fazer brincadeira de mal gosto só demostra a falta de criatividade e bom senso do WWF-Brasil em fazer boas campanhas de comunicação. Deculpa é pouco para quem fez com que pessoas loucas atras de um emprego perdecem seus valiosos tempos com esse tipo de publicidade.

    CT

    maio 29, 2009 at 16:51

  8. […] *Aliás, Aline, especial procê: WWF expõe desempregados a humilhação, a fim de promover a causa ambiental. […]

  9. Eu ouvi as ligações e … na verdade, achei bem humorado, não senti nem uma pitada de perversidade e, praser bem honesto, a maioria das pessoas ou nao levou a brincadeira a serio ou, se divertido, não vi ninguem ofendido …

    Gabriel

    maio 30, 2009 at 15:27

  10. Não acho que os fins justificam os meios. Acho que se a propaganda tivesse parado no anúncio e na explicação deles junto com a pergunta “vamos tomar o lugar deles no mundo”, estava de ótimo tamanho.

    Mas expor as gravações das pessoas, achei humilhante e sem sentido.

    Gabi Martins

    maio 30, 2009 at 17:02

  11. Num país onde a grande maioria da população ainda não tem nem os direitos básicos de uma vida digna – saneamento básico, transporte, saúde, educação, etc – utilizar-se da ignorância e desespero de pessoas procurando emprego foi realmente um golpe baixo, que mostra falta de imaginação… Não esperava iso deles… Há outras formas de sensibilizar pessoas para o problema da extinção dos animais. Esta campanha é grotesca – se utiliza da classe mais baixa para fazer a classe mais alta dar risada na internet!
    Obrigada pelo post!

    camila

    maio 31, 2009 at 8:42

  12. Um tanto quanto estúpida a campanha…

    O que reforça uma visão que tenho sobre organizações do estilo da WWF…

    Organizações, que apesar de defenderem uma causa justa, não conseguem ou não querem enxergar que o problema que atinge o meio ambiente e as espécies se liga a um sistema maior.

    Grupos que mantém uma visão restrita sobre o problema, q

    Bento Epaminondas

    maio 31, 2009 at 11:33

  13. Continuando…

    Grupos que mantém uma visão restrita sobre o problema, que acabam por reproduzir e incentivar uma série de ações que são prejudiciais ao mewio ambiente.

    A questão ambiental não está dissociada da organização social, política e econômica que leva diversas pessoas ao desemprego e a consequente humilhação por qualquer posto de trabalho.

    Ao tratar o tema dessa forma, organizações como a WWF reforçam o mesmo sistema que leva a forma irresponsáveis de produção e consumo que tanto afetam o meio ambiente e as espécies.

    Bento Epaminondas

    maio 31, 2009 at 11:36

  14. Parece que essas entidadezinhas de dinheiro fácil adoram mesmo é aparecer. Não bastasse termos por aqui Lulla e sua corja cuspindo na cara do trabalhador, agora temos ONgs especializadas nisso e estrangeiras..”DIMAIS”!!!

    pedrão

    junho 1, 2009 at 12:23

  15. Não ouvi as ligações, mas não acho q seja interessante se utilizar de pessoas que passam por um momento incerto para divulgar o problema ambiental.
    A seriedade do conteúdo é que deve importar.
    Fico chateada em ver que as pessoas não se respeitam e pedem respeito por uma causa, fica incoerente.

    Cherry

    junho 1, 2009 at 13:12

  16. por essas e outras que nao dou a minima para o green peace ou WWF. Por mim arrumava emprego para o pessoal caçando botos cor de rosa e onças pintada. GEnte que nao tenm o que fazer e uma florida.

    beto waltz

    junho 1, 2009 at 14:15

  17. Que seja uma brincadeira de mau gosto, mas o fato é que os entrevistados concordaram em ter as gravações divulgadas, o que talvez não justifique.
    Fato é que esse tipo de pegadinha não é novidade. Numa época em que não havia autorização de imagem, programas de tv como João Kleber e Sérgio Malandro faziam uma farra de mau-gosto com desempregados e analfabetos, com perguntas do tipo “O que você acha da revogação da lei da gravidade”. Revoltante…
    Achei até light o WWF.

    Claudio

    junho 1, 2009 at 14:36

  18. Mais uma vez o discurso e a prática se anulam. Eles não representam mais que a velha idéia dos ecologistas verdes que acham que o mundo é árvore e passarinho e que o ser humano não faz parte deste meio ambiente. Depois de uma campanha ridícula como a do xixi no banho, uma baboseira destas não representa nenhuma novidade. Ecochatos e megaempresários poluidores são apenas o reverso da mesma moeda. Por que não acharmos o caminho do meio? Vergonhosa a posição desta entidade.

    Eduardo Bezerra

    junho 1, 2009 at 14:54

  19. Eu achei positiva a idéia, eles não revelam o nome de ninguém sendo assim não espoem ninguém ao ridículo como o Knuttz sugere. O WWF deveria pegar mais pesado… o assunto é sério !!

    Fernando

    junho 1, 2009 at 17:02

  20. WWF é uma merda, querem tomar a amazonia do brasil. Odeio esses ambientalistas bitolados, parecem crentes, acreditam que a unica coisa que salva a vida do planeta e reciclar latas e levar comida pra africa. Bando de desocupados sem criatividade.

    E ainda mais a wwf fazendo essa pessima campanha desmoralizando como diz no texto, todas as pessoas desesperadas por emprego.

    joselito

    junho 1, 2009 at 17:33

    • Esse discurso de que o WWF-Brasil quer comprar a Amazônia, e que há um bando de grigos interessados em nossa biodiversidade para fins duvidosos, é um pouco arcaico. Ouvir esse tipo de discurso até faz doer os ouvidos.

      O WWF-Brasil é uma organização brasileira — apesar de ter mais de 80% dos seus recursos vindo de fora do país, porque arrecadar no Brasil é muito difícil — e apenas utiliza da força e do nome da Rede WWF para implementar suas ações em escala Global, que vem atuando de forma sistêmica há quase 50 anos em todo o Mundo.

      Esse blá blá blá de “internacionalziação da amazâonia”, e “abaixo as ONG internacionais no Brasil” e etc, parece algo reacionário, do tipo: “Fora FMI”, vamos dar “calote na dívida externa” e etc. São discursos um tanto quanto vazios e ideológicos. Por traz desse tipo de discurso, estão grandes empresários, madeireiros, ruralistas e fazendeiros que muito afim de que tirar máximo da natureza. Mesmo que o WWF-Brasil fosse uma ONG “internacional”, como muitos afirmam, acho válido e importante o trabalho que ela realiza aqui, já que o setor publico, juntamente com o privado, não têm feito muita coisa. No final das contas, alguém de que fazer algo.

      As questões ambientais são graves e urgentes. Temos que lutar contra o tempo para mitigar as ações do homem e promover adaptações.

      Volto reafimar que o forma que isso deve acontecer, não pode continuar sendo a mesma. Tem que haver uma inovação propositiva para combater o problema. O WWF não pode e nem deve permitir esse tipo de campanha, nada positivamente inovadora, para alcançar seus resultados de conservação e mobilização. O WWF não pode permitir que a agência criadora da peça publicitária utilize do tema para ser promover e ganhar prêmios no Brasil e no exterior. Os prêmios sao bem-vindos quando o conteúdo também é bem elaborado.

      Daqui a pouco estão “vendendo” a sua imagem para a agenda Marron, sendo, mais uma vez incoerentes com o discurso e a causa, as vezes parecer que a sobreivência financeira desse tipo de organização é mais importante que a causa que estão por tras de suas razões de ser.

      Jim

      junho 7, 2009 at 13:42

      • Olá, Jim.

        Nós não criticamos a organização como um todo, nem onganizações gringas como um todo; criticamos uma campanha específica.

        Imagino que seus argumentos se dirijam aos outros comentaristas daqui.

        Abraços,
        Panóptico

        panoptico

        junho 10, 2009 at 10:22

      • Sinto muito, mas essa “fala” parece estar a seviço do socorro à WWF, que precisa, de fato, repensar seus princípios. Não dá para desculpar! É mais que óbvio: A AGÊNCIA PUBLICITÁRIA SÓ FAZ O QUE O CLIENTE ENCOMENDA!!! Dá licença!!!

        Fátima Andrade

        junho 10, 2009 at 22:06

    • Os argumentos são para os outros post sim. Não tem nada ver com a discursão da campanha em si. Estou apenas fazendo um contra pronto e apimentando a discussão.

      Sobre o comentário “a agência faz só qo que o cliente recomenda”, digo que nem sempre é assim. Neste caso, a agência realiza serviços pró-bono para as ONGs que tem recursos limitados para a área de comunicação. Foi a DM9 quem procurou o WWF-Brasil e propos essa infeliz Campanha. o fato é que eles gostariam de concorrer com esse trabalho em um festival. Isso que é ruim, pois o festival em si parece ser mais importante que a causa. O WWF deveria ter dito um NÃO à agência, mas teve ter se sentido constrangida em fazer isso, por ter utilizado a agência em outros momentos (vídeo Monkey, Hora do Planeta e etc.).

      Isso é quase uma venda de valores, não acham?

      Jim

      junho 11, 2009 at 14:27

  21. Gabi Martins falou e disse… nao precisava fazer as pessoas ligarem… muito legal esse post pq causa discussoes sobre um assunto tao importante e em alta… nisso tudo soh nao concordo com o panoptico ficar expondo o gustavo/thomás… nao importa a identidade, oq importa eh a opiniao… se quer discutir com pessoas “reais” procure outra maneira de faze-lo… vai na boca maldita, ou na praça de sua cidade e abra a boca…

    fozgonza

    junho 1, 2009 at 17:45

    • Oi, Fozgonza.

      A intenção não foi expor Gustavo/Thomás. Nenhum dado foi revelado, apenas demos um alerta aos outros comentaristas: são a mesma pessoa.

      Só depois que a pessoa insistiu em ludibriar os leitores, dizendo que deveria se tratar de alguém que pensa como ele, reafirmamos mais enfaticamente que eram a mesma pessoa.

      O debate aqui é aberto e esperado. Só que discutir consigo mesmo não vale – em fóruns, listas de email, caixa de comentários e outros espaços da net. Quando alguém diz “eu acho isso e aquilo”, depois enche a caixa com comentários de “eu concordo com vc”, os demais leitores ficam com uma impressão que é mentirosa – achando que são pessoas diferentes com opiniões semelhantes.

      Valeu pelo comentário!

      panoptico

      junho 2, 2009 at 10:07

  22. Luiz Bento

    junho 2, 2009 at 15:25

  23. Eu ouvi isso, e eles não expuseram o nome nem a identidade de ninguém. Acho que você exagerou, seu texto está completamente tendencioso, e bem… as pessoas são assim.

    Gustavo

    junho 2, 2009 at 17:13

  24. A população deveria boicotar a WWF e suas campanhas, para mostrar para esses gringos que os brasileiros não são tapados

    MLG

    junho 3, 2009 at 16:31

  25. […] não agradou algumas pessoas que a consideraram um desrespeito aos desempregados. Leia as críticas aqui. Enviado por: redacaocip – Categoria(s): Blog, Terceiro Setor Tags relacionadas: DM9DDB, internet, […]

  26. Essa campanha parece que tem mais o interesse em fazer a agência criadora — DM9 — participar doa premiação do festival de Cannes, do que sensibilizar e promover a população brasileira para a mudança de hábitos sustentáveis. O que fica no ar é que o mais importante é a premiação da agência criadora, utilizando-se de um tema URGENTE, IMPORTANTE e PRIORITÁRIO – a preservação do meio ambiente — ao invés de promovê-lo. Os fins justificam os meios? Que meios são esses? Quais são os fins? A preservação do meio ambiente ou premiação da agência criadora? O WWF-Brasil permite isso? Por que?

    Jim

    junho 6, 2009 at 15:33

  27. Otima campanha! so assim pro ser humano se dar conta do estrago que faz a natureza e não faz nada para ajuda-la.
    Muito criativa.

    nathalia

    junho 6, 2009 at 22:16

  28. Achei um pouco exagero o post,
    Assim como existe a possibilidade de ouvir a conversa da “pegadinha” tem a possibilidade de ouvir também a reação das pessoas quando revelaram a idéia do projeto e “pediram” a autorização para publicalas.

    Ygor

    junho 7, 2009 at 22:22

  29. A WWF fazendo isso? Num mundo cheio de preconceitos, discriminações e humilhações, ninguém precisa da contribuição de uma instituição que, esperava-se, estivesse a favor de um mundo melhor.
    Que decepção!!! Mais uma referência perdida…
    Que grade cagada!!! (Isso pode ser suprimido…)

    Fátima Andrade

    junho 10, 2009 at 21:47

  30. WWF pisou na bola, espero que haja dentro da instituição, um debate sobre esta infeliz idéia. Meu pai ligou dizendo, que vai parar de fazer doações financeiras a WWF, eu nao chegaria a tanto, mas o dinheiro é dele.😦

    Ronaldo

    junho 11, 2009 at 0:24

  31. afff
    engraçado, neh … ???
    a humanidade usufruir de maneira indiscriminada da natureza, cometer crueldades inimaginaveis com animais, usá-los em experiencias, matar animais para apenas usar seus chifre os dentes como “remédios milagrosos”, expo-los em circos sem a menor condição saudavel, promover brigas entre caes e galos para conseguir dinheiro, entre tantas outras coisas nunca consegue da opinião publica nada mais do que “ai, q pena q isso acontece, neh… tadinhos”.
    Agora quando uma ong, que promove uma luta pelos direitos dos animais e da natureza em geral, faz uma simples brincadeira para apenas chamar a atençao mais uma vez d tds para esses prblemas ambientais, tds dizem q isso é um cumulo, enfim, eh um DEUS nos acuda, eh capaz ateh d ser processada por isso…

    Engraçado, naum ??

    diego

    fevereiro 15, 2010 at 16:52

  32. Acredito que o objetivo da WWF não foi zombar de ninguém ao contrário somos nós que zombamos e destruimos um lugar publico ou seja a Terra.

    Quem disse a vocês que somos a espécie importante, que somos a prioridade de Deus? Todos presentes nesse mundo deve possuir os mesmos direitos a vida, alimento tanto quanto nós.

    Será que não somos nós que desrespeitamos os outros? que só pensamos em nós mesmos.

    Nós um dia seremos punidos por tudo que fizemos, por tudo que pensamos ser “certo”.

    Graças a Deus que existe organizações como WWF que tenta mudar as pessoas e não como todas as outras que só pensa no bem do capitalismo.

    Pedro Henrique

    março 14, 2010 at 22:09

  33. As pessoas caem em pegadinhas da record e ainda autorizam tamanho humilhação em rede nacional. Então qual o problema? Muito mais trágico e constrangedor é as pessoas estarem acabando com esses animais. Seria bom se houvesse vagas para que as pessoas trocassem de lugar com eles. Seria o mínimo a fazer pelo dano causado por essas mesmas pessoas, que por sua ignorância destroem os animais, que por sua ignorância se ofereceram para esta vaga ridícula e mereceram tal humilhação. Por sua ignorãncia.

    Lisandro

    fevereiro 27, 2011 at 21:57

  34. se fossem atores a piada seria engraçada. mas vc ta desempregado e ainda ser humilhado por procurar emprego…
    que vergonha pra WWF!!!!

    mia

    junho 11, 2011 at 13:42

  35. […] A WWF Brasil publicou, em vários jornais, um anúncio oferecendo vaga de emprego para ocupar lugar de onça pintada, boto cor-de-rosa e arara azul. O texto dizia: selecionamos pessoas de ambos os sexos, determinadas, com ou sem experiência, dispostas a trabalhar como onça pintada. Não é necessário ensino superior (para as vagas de boto e arara era o mesmo texto só mudava o bicho). Mesmo com o texto brincalhão, 1.083 pessoas ligaram para a WWF para saber mais sobre o emprego. Algumas dessas ligações, com permissão dos candidatos, foram colocadas no site da campanha Seleção Natural e os internautas podem ouví-las. A criação é da DM9DDB. O tom bem-humorado da ação, no entanto, não agradou algumas pessoas que a consideraram um desrespeito aos desempregados. Leia as críticas aqui. […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: