Panóptico

Guia prático ilustrado sobre pixação em São Paulo

with 10 comments

Está difícil saber o que pode e o que não pode desenhar nas ruas de São Paulo? É complicado entender quem pode e quem não pode? Este guia foi elaborado especialmente para atender esta necessidade contemporânea.

Grafite em carro esportivo de gigante dos pneus pode
grafite_goodyear.jpg

Grafite em favor da mobilidade não motorizada não pode
asas_praca_ciclista1.jpg
Trabalho: Mona Caron. Foto: apocalipse motorizado

Grafite em propaganda de banco recordista de faturamento pode
grafite_itau_01.jpg

“Bombar” geral em bairro de mega barzinho hippie-chic não pode
pixo_05.jpg

Pixação de “pixador salvo” por ONG pode. É arte. É social
pixacao_tutelada01.jpg

Pixação de pixador não tutelado não pode. É contravenção. É poluição visual
pixo02.jpg

Grafite de multinacional automotiva pode
grafite_fiat.jpg

Grafite autônomo não pode
escravotransito_01.jpg
Trabalho e foto: Mundano. Todos os direitos reservados

Agradecimento especial a todas as agências publicidade, medidores de tendências, autoridades policiais, vigilantes privados, governantes, grandes marcas e ONGs-empresas que tornaram este guia possível.

Relacionados:
Cores da marketagem
Pixo, logo existo

Obs. Pixar (sic): grafia utilizada aqui em referênca àquela habitualmente utilizada pelos pichadores para pichar

Anúncios

Written by panopticosp

janeiro 9, 2008 às 20:42

Publicado em cultura urbana, mídia

Tagged with ,

10 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. É da lei das Leis que existam lei e Lei? “Uma lei pra vc, uma Lei pra mim/Uma lei pra vc, uma Lei pra mim”. Legislação relativizada. Cadeia pra quem rouba manteiga daqui, imunidade parlamentar pra quem desvia verba de lá. E assim segue o faz-de-conta daqueles q mandam e o faz-de-conta daqueles q obedecem. Obrigado senhor, desculpe senhor. De qualquer forma os muros seguem servindo de suporte pro intelecto humano, desde dos tempos das cavernas até o atual estágio bélico-ideológico.

    Pula o Muro

    janeiro 16, 2008 at 13:15

  2. Geniais suas analogias !
    Tenho um trabalho sobre os pixadores de SP… fica avontade pra ver !

    abraçoss,

    Choque.

    CHOQUE

    abril 5, 2008 at 7:31

  3. Ei, choque. Suas fotos são as mais impactantes que já vi sobre o assunto.

    Parabéns, cara.

    panoptico

    abril 7, 2008 at 11:37

  4. ai no brasil só o pobre que se fode
    mãe rouba manteiga e fica presa uma cota,pai roba 4 bifes e jogam ele numa cadeia cheio de vagabundo,dali é possivel sair pior do que entrou,pq a cadeia não regenera ninguem, agora maluf rouba e fica em casa,pitta rouba e fica em casa,promotor mata e fica em casa ganhando 18.000.00 mil por mê,nessa porra de pais só os ricos é se dão bem,essa é a pura verdade,sou pixador desde de 1989 e faço minha parte cobrando e pixando a casa desses lixos que citei,depois vc olhe no meu fotolog alguns protesto que ja fiz
    1 abç

    TATEI

    abril 25, 2009 at 14:51

  5. Gostei do blog faz reflexões bastante interessantes, sou aluno de animação, e estou fazendo uma animação sobre o grafite na cidade de SP, estou coletando e ajuntando material, entre eles trabalhos de diferentes pessoas, mas pouco achei sobre a historia do grafite, por favor se alguem tiver algum texto ou informações, me escrevam
    meu email é : pedropizzz@hotmail.com

    Obrigado,

    Pedro Felipe

    setembro 12, 2009 at 3:17

  6. Bela crítica.

    Guilherme

    novembro 6, 2009 at 19:06

  7. da hora!!

    Roberto T. Oliveira

    novembro 7, 2009 at 3:02

  8. Numa cidade sem um plano de urbanização, como São Paulo, a pixação pelo menos dá alguma uniformidade estética.

    4 |_ ê

    novembro 9, 2009 at 21:49

  9. Mundano vai pro inferno gay!!!!

    mota spfc

    janeiro 12, 2010 at 3:59

  10. fui pixadora ha alguns anos atras e concordo plenamente com tatei n o conheco mas faco minhas palavras as dele absolutas

    rozinha

    abril 27, 2012 at 0:15


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: